Tag Archives: Evento

COMO QUEIRA::CIA ADVERSA NO RIO NESSA 4ª

17 jul

dentro da programação do “Encontros Coreográficos -Ato 1”.

para mais informações do evento, acesse: http://www.jogocoreografico.com/

20/07  – quarta feira

20h

ingressos: R$10,00 inteira / R$5,00 meia

Teatro Cacilda Becker

Rua do Catete, 338 – Largo do Machado (próximo ao Metrô)

Rio de Janeiro – RJ

quem violenta quem? A Sua Violência, A Minha Violência no CUMBUCA

23 maio

 

Vamos fazer o Violência no Corredor.

O projeto estreou aqui em setembro do ano passado,  e desde então já foi a público diversas vezes, a maioria no Rio. Essa será a décima apresentação.

Desde setembro venho aguçando cada vez mais meu olhar pro tema e me impressiona perceber como ele permeia as situações e nossas atitudes. Será isso do humano, de nossa cultura, de nosso tempo, será isso do meio em que eu vivo, será isso uma tendência do meu olhar atual? Independente de onde venha a resposta, me vejo violentada diariamente, e procuro perceber em que contribuo para esse ciclo, se o faço inconscientemente, se o faço por escolha.

Porque a violência também é uma escolha possível.

Busco a experiência de vivê-la sem moralismos ou preconceitos, com um olhar mais amplo de onde ela se encontra e do porquê a escolhemos aqui e ali.

No momento, sem maiores pretensões a não ser a observação.

No Cumbuca, pelo Corredor Cultural, vamos fazer os 3 experimentos. Me vejo agora, como a cada vez que vamos para o corpo a corpo, na contagem regressiva, tentando não adiantar o que pode vir e me manter aberta pro que possa aparecer. Já em exercício.

Aproveito pra divulgar o blog que eu e Diego fizemos, com fotos, vídeos, e mais detalhes do que tem rolado nesse processo.

http://asuaviolenciaaminhaviolencia.blogspot.com

 

 

CUMBUCA::Epinefrina no Corredor Cultural!

23 maio

O que é a CUMBUCA?

 

Mostra de projetos e processos de pesquisa que envolvem integrantes do Coletivo Epinefrina. Cumbuca traz a público produções de diversas áreas da arte contemporânea, criando assim outros discursos a partir do diálogo e da contaminação entre artistas, público e ambiente.

 

O Coletivo Epinefrina apresenta para o CORREDOR CULTURAL propostas de vários de seus Núcleos de Trabalho, dividindo com cidade o que acontece nas investigações e produções de cada um de seus integrantes.

 

Onde e Quando?

28/05   sábado

de 22h às 02h

Centro Cultural Bernardo Mascarenhas

Av Getúlio Vargas, 200 – Centro

Juiz de Fora/ MG

dentro da programação do Cabaré de Variedades do Corredor Cultural – Funalfa/Prefeitura de Juiz de Fora

 

nessa 4ª !JAM SESSION!

22 maio

Cia Adversa e Coletivo Epinefrina convidam para

IMPROVISOCORPOFALACENASOMPOESIADANÇATEATROIMPROVISO

!Jam Session!


 

25/05

de 19:30 às 22h

entrada gratuita

Diversão & Arte Espaço Cultural

Halfeld, 1322 – Centro

 

Festival COMPORTAMENTOS ALTERNATIVOS – parte 00

16 dez

No último dia 11 de dezembro, Juiz de Fora viveu um acontecimento ímpar em sua história cultural recente: um evento a luz do dia, reunindo grandes talentos da músicas e de diversas outras áreas das artes, comunicação e cultura.

Híbrida Banda - Foto: Hércules Rakaukas HRCS

Santinho, the "big boss" - Foto: Hérculos Rakauskas HRCS

O Festival COMPORTAMENTOS ALTERNATIVOS contou com a participação de 8 bandas que balançaram as estruturas do Diversão & Arte Espaço Cultural, além de instalações, vídeos e outras linguagens artísticas. O mais interessante foi a presença de um público que vai muito além do consumidor de música e esbarra, justamente, em quem faz acontecer: músicos, produtores e outros personagens da cena cultural de JF.

Quinteto São do Mato - Foto: Hércules Rakauskas HRCS

Instalação Tiago Gandra - Foto: Hércules Rakauskas

Nos próximos meses o Coletivo Epinefrina irá lançar uma coletânea virtual com músicas dos participantes e de mais outras 12 bandas. Além disso, ao longo do dia foi produzido material audiovisual que em breve estará disponibilizado tanto por aqui, quanto para aqueles que deram sangue pelo festival: as bandas. Assim, com este conteúdo, tanto as mesmas, quanto o Festival e a cena músical em Juiz de Fora poderá ter um 2011 promissor, com um pensamento a médio e longo prazo. A nossa intenção é criar um clima favorável para que se negocie uma agenda da música em Juiz de Fora e todos possam saber o que e onde estará acontecendo um som bom em nossa cidade!

Silva Soul - Foto: Hércules Rakauskas HRCS

Em breve mais fotos e vídeos!!!

‘Ou não’ em dezembro no Cai+Pira

7 dez

CONTRACULTURA, POESIA, MÚSICA  E OUTRAS ESQUINAS…

 11/12 (SÁB) – CAI & PIRA- 22 H

 COSTURA DE TEXTOS, ROTEIRO E LEITURA:

“Encruzilhada da Contracultura”

(André Monteiro, Bruno Tuler, Danniel Goulart, Edwald Winand, Edson Leão, Livia Gomes, Valéria Leão Ferenzini)

 PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS:

Fabrícia Valle e Laura Assis

 Fechamento: FBI

 

 

 

 

Leituras poéticas regadas a músicas setentistas unindo Allen Ginsberg, Torquato Neto, Sá, Rodrix e Guarabira, Jack Kerouac, tropicalistas, Paulo Leminsk,  Clube da Esquina, Chacal, Secos e Molhados, Gary Snider, Som Nosso de Cada Dia,  Hendrix  e outras bruxas.

Recuperando o espírito beat das leituras poéticas unidas à música, “Ou não…” faz um passeio não linear, e descompromissado pelo universo da contracultura, partindo de precursores beatniks (como Allen Ginsberg, Jack Kerouac e Gary Snider) passando por Torquato Neto e poetas da poesia marginal dos 70, (Leminski, Chacal, Leila Micolis e Marta Medeiros) e desembarcando em JF, em pleno Kaos do terceiro milênio com textos do poeta André Monteiro, que também divide as leituras com Bruno Tuler, Edwald Winand, Edson Leão e a atriz Livia Gomes.

Costurando esse “sarau underground”, canções brasileiras que puseram o pé na estrada em meio à ditadura, ao “desbunde”, à descompressão do corpo e do espírito via sexo, política, drogas e rock n’ roll. Tropicalistas, Clube da Esquina, nordestinos… Malditos,…ou não…

Fechando o ritual, mais uma dose de rock e canções setentistas em versões acústicas com a FANTÁSTICA BANDA INVISÍVEL.

Festival Comportamentos Alternativos

6 dez

O Festival COMPORTAMENTOS ALTERNATIVOS foi idealizado pelo Coletivo Epinefrina em parceira com a Cia. Adversa e será realizado com apoio do prêmio Cena Minas – Governo do Estado de Minas Gerais/COPASA. O Festival de música independente COMPORTAMENTOS ALTERNATIVOS acontecerá pela primeira vez neste sábado, 11 de Dezembro de 2010, no Diversão & Arte Espaço Cultural. Na parte da manhã (9h-12h), três oficinas serão ministradas com inscrição gratuita: Fanzine, Guerrilha e Resistência Artística e dos softwares de samplers Reason e Sonar. Na programação da tarde (14h-20h), além das 8 bandas do Festival, nos cômodos, corredores e escadas do Diversão & Arte irão acontecer exposições fotográficas, instalações, performances e sessões de vídeos.

Leia o Conceito do Festival COMPORTAMENTOS ALTERNATIVOS

Serviço:

Local – Diversão & Arte Espaço Cultural – sede do Coletivo Epinefrina
Endereço – Halfeld, 1322 – Centro

32 – 3213 – 0931

Data -11/12, sábado

Horário –

de 9hs às 12hs OFICINAS / 14hs às 20hs APRESENTAÇÕES

Valor – R$ 5,00

Realização – Cia. Adversa | Coletivo Epinefrina

Apoio – Diversão & Arte Espaço Cultural | Teatro do Espaço

Patrocínio – Prêmio Cena Minas | Governo de Minas Gerais | COPASA

%d blogueiros gostam disto: